Qual o erro do Pai-nosso do padre Marcelo?

A paz do Cristo Libertador, irmãos!

Pra começar, já preciso dizer: NESSE POST E NESSE VÍDEO NÃO FALO MAL DO PADRE MARCELO, então, sem mimimi!

jesusnaodisseisso

Resolvi gravar esse vídeo que está logo abaixo a partir do momento em que cansei de ouvir alguns padres dizendo: “cantemos a oração que Jesus nos ensinou” e começarem a cantar essa versão do padre Marcelo Rossi que você encontra AQUI.

O que acontece? Provavelmente, o padre Marcelo ao escrever essa “versão” da oração mais conhecida do mundo, a compôs como uma ORAÇÃO DELE e não colocando essas palavras na boca de Jesus. Até aí, OK!

Colocar essas palavras na conta de Jesus é dizer que Ele não acredita na providência, nem na presença e nem na misericórdia de Deus Pai.

O ERRO

Mas porque, Robson? Simples! Essa composição diz 3 coisas quase que incompatíveis com a pregação de Jesus.

1 – Meu Pai do Céu eu quase me esqueci que o Seu amor vela por mim!

Mano! Quando é que foi que Jesus se sentiu largado pelo Pai a ponto de achar que Ele não mais zelava por sua vida? Me poupe, né? Isso é coisa nossa! Nós nos esquecemos do amor de Deus. Mas Jesus, não!

2 – O alimento deste dia dai-nos AGORA E SEMPRE!

AGORA e SEMPRE? Jesus ensina que pra cada dia há a sua providência e por isso na oração Ele nos diz: “o pão nosso de cada dia nos dai HOJE”. Assim deve ser: Deus dá o necessário pra hoje! Não dá mais, nem menos. Dá o que precisamos. Lembre-se: Ele nos conhece melhor que nós mesmos!

3 – E perdoai nossas ofensas de um MODO MAIOR COM QUE PERDOAMOS

Pronto! Aí tirou o nosso da reta e colocou tudo na conta de Deus Pai. Mas Jesus nos ensina: “Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, vosso Pai celeste também vos perdoará. Mas se não perdoardes aos homens, tampouco vosso Pai vos perdoará” (Mt 6, 14-15)

O VÍDEO

E aí. Ainda acha que está tudo certo em cantar essa música na Santa Missa como se fossem as palavras ensinadas pelo próprio Jesus?

Então, assista o vídeo e aproveite para curtir, compartilhar e se inscrever no canal!

Anúncios

As católicas do Youtube!

Paz e Fogo, galera! 

Como sabem, há um tempo eu produzia vídeos para o Youtube no canal “Vlog Revolucionário”, numa alusão também ao apostolado desse blog e da fanpage de mesmo nome. Quem sabe um dia eu volto, não é?

youtube1

Já que não está rolando de produzir, trago hoje um primeiro post com dicas de bons canais católicos pra você acompanhar.

Nessa primeira oportunidade, quero te indicar boas youtubers católicas. Isso mesmo! Meninas que mandam bem demais na produção, no conteúdo, na catolicidade… Indico 5 dentre as muitas que conheço. Veja só:

Camila Holanda: Cantora, escritora, de fala leve que nos ajuda a compreender o assunto tratado, além do bom conteúdo. No canal dela, como não poderia deixar de ser, rola muita música, além de vídeos sobre temas relacionados à fé. Falando nisso, o vídeo que trago aqui, é dela interpretando a canção “Regaço Acolhedor”, da irmã Kelly Patrícia:

Bruna Gutstein: Simplicidade resume essa youtuber! Em seus vídeos ela fala de forma tão calma e centrada, que logo nos convence que realmente é bom ser de Deus. Além de “conteúdo” católico propriamente dito, Bruna traz testemunhos sobre a ação de Deus em sua vida e na vida de sua família. Vale a pena assistir! 

Céci Portugal: Dessa aqui posso falar rs! Bom, curtia muito o trabalho dela de direção, produção e edição de videoclipes. Os que conheço e assisti são tops demais. Mais do que isso, acompanhava também o que ela escrevia em seu blog. Ela é nora do Dunga da Canção Nova, sabe? Só que não se esconde atrás do sogro famoso, pelo contrário, seu trampo “individual” é de boa qualidade e seu jeito ainda meio tímido em frente as câmeras também nos ajuda a prestar atenção no conteúdo. Vale assistir!

Garota Sentinela (Andressa Uller): Carismática, pregadora, de Grupo de Oração. Andressa Uller também é do tipo “blogueira” que faz vídeos de recebidos e tal. Mas o que gosto mesmo, são os vídeos com conteúdo totalmente católico que ela faz (digo isso porque ela faz muitos sobre recebidos, dicas…). Esse abaixo, por exemplo é bem bacana:

É Fogo (Giovana Belini) – Por fim, o canal da minha irmã de comunidade. Uma pitada de polêmica à luz do carisma Cristo Libertador.

Bom, é isso! Logo volto com um post falando de alguns irmãos que também nos ajudam na vivência da fé! É nóis!

 

Como se portar na internet?

Paz e fogo, galera! Firme?

O vídeo mais recente do #VlogRevolucionário é uma entrevista que fiz para o programa “A Arte da Vida” da qual sou produtor e repórter. O programa vai ao ar nas TVs Século 21 e Milícia da Imaculada.

Mas vamos para o que interessa! O entrevistado, o Irmão Darlei Zanon, da Congregação dos Padres e Irmãos Paulinos, é um estudioso da área da ciberteologia ou cibereclesiologia como ele chama. Essa entrevista aconteceu justamente num “Café Teológico” promovido pela Paulus e que tinha como temática “a Igreja Católica em tempos de rede”.

Nesse vídeo ele fala sobre a presença da Igreja na Web, sobre como devemos nos portar no ambiente digital e também como deve ser a nossa “contribuição” em assuntos polêmicos como aborto, ideologia de gênero, eutanásia, dentre outros.

Vale a pena assistir!

Se você faz parte de PASCOM, Ministério de Comunicação ou conhece alguém que acha que encher a sua timeline de GIFs brilhantes de Jesus, Maria e frases bíblicas é evangelizar, aproveite e mande esse vídeo, pois o conteúdo é muito valioso e nos ajuda a repensarmos a nossa presença nesse ambiente tão propício para evangelizar os batizados. #Play!