JMJ| Símbolos da JMJ serão enviados para o Vaticano #Rio2013 #Cracóvia2016

noticias_jmj

iconejmj

Com informações do portal A12

Paz e Bem galera!

Quem aqui consegui venerar de perto os símbolos – cruz e ícone – da JMJ? Eu não consegui ir no Bote Fé São Paulo, mas consegui venerar a Cruz Peregrina e o Ícone de Nossa Senhora na Catedral da Sé. Ali chorei, sorri e rezei pela juventude. Também tive a graça de venerá-los já no Rio de Janeiro, na passagem dos mesmos pela favela da Rocinha, onde pude tirar as fotos que ilustram este post.

Não sei se você ficou com a mesma dúvida que eu ao fim da Missa de Envio da JMJ Rio2013: porque os jovens brasileiros não passaram os símbolos da JMJ para os jovens da Polônia?

Eu me perguntei isso e também questionei alguns outros irmãos voluntários do Setor de Comunicação que também estavam alojados na Casa Pe. Dehon no Méier e que também assistiram a Santa Missa pela televisão.

Ninguém soube me responder, pelo contrário, todos também estavam com essa dúvida.

Cruz Peregrina da JMJ na Favela da Rocinha

Cruz Peregrina da JMJ na Favela da Rocinha

Procurando notícias sobre a JMJ e sobre a passagem do Papa Francisco por Aparecida, encontrei uma notícia bacana no Portal A12. A notícia é do dia 30 de Julho e nos informa sobre a passagem dos símbolos para os irmãos polacos. Veja só:

Em coletiva de imprensa realizada na manhã do dia 30 de julho, o arcebispo da Arquidiocese do Rio de Janeiro, Dom Orani João Tempesta afirmou que os Símbolos da Jornada Mundial da Juventude, a Cruz Peregrina e o Ícone de Maria, serão encaminhados à Roma nos próximos 15 dias e ficarão em uma capela reservada no Vaticano.

Diferente do que aconteceu no Brasil, quando os símbolos foram entregues aos representantes brasileiros logo após o término da JMJ em Madri, em 2011, Cracóvia deverá seguir o mesmo procedimento de todas as demais jornadas. A cidade polonesa receberá os símbolos uma semana antes do Domingo de Ramos, no ano que vem, quando jovens brasileiros se encontrarão com os jovens de Cracóvia para entregar oficialmente os símbolos e trocar informações de balanço da JMJ Rio2013 com os preparativos e projetos da edição da JMJ em Cracóvia.

Dom Orani explicou ainda que no caso do Brasil, a situação foi diferente porque o país tinha menos tempo para a organização da Jornada, visto que, por conta da realização da Copa do Mundo no Brasil em 2014, a Jornada Mundial da Juventude que tradicionalmente de 3 em 3 anos, foi realizada com um ano de antecedência. O arcebispo também afirmou que a o tamanho territorial do Brasil e o grande número de (arqui) dioceses nas quais os símbolos deveriam peregrinar, também foi um motivo para que o país já recebesse os símbolos em agosto de 2011 e começassem a peregrinar pelo estado de São Paulo.

Anúncios

Deixe o seu comentário. Ele é muito importante para o crescimento e amadurecimento de nossa missão. Deus o abençoe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s