#JMJ| UM LUGAR PARA DESCOBRIR A VOCAÇÃO NA #JMJ

“Qual o sentido da minha vida?”. “Qual o meu lugar na Igreja?”. “Onde Deus quer que eu O sirva?”.

Estes são questionamentos próprios de jovens que tiveram o seu encontro pessoal com Jesus. E muitas respostas para essas perguntas são apresentadas em 68 estandes de várias congregações e comunidades religiosas, montados no Parque do Retiro, na capital espanhola, por ocasião da 26ª Jornada Mundial da Juventude em Madri, Espanha.

O espaço, chamado “Feira Vocacional”, foi organizado para que jovens de todo o mundo tivessem um contato mais aprofundado com os vários carismas da Igreja. São congregações mais antigas como Claretianos, Jesuítas, Salesianos, Passionistas, como também Novas Comunidades e expressões diversas da Igreja.

Logo na entrada da feira, avista-se um banner de uma senhora idosa, com a pele enrugada e o corpo encurvado e uma frase: “Tenho sede”. A princípio nós nos perguntamos: “O que tem a nos dizer esta senhora em um encontro de jovens?” Estamos falando da beata Teresa de Calcutá, fundadora da Congregação Missionárias da Caridade. “Estamos aqui porque queremos compartilhar com os jovens a vida e a vocação de Madre Teresa”, disse Irmão Alejandro Martinés, que pertence à congregação da beata.

Segundo o jovem missionário, que veio de Cuba para servir a Deus na Congregação de Madre Teresa, o estande dos “Missionários da Caridade” está sempre repleto de jovens. Perguntamos-lhe então o que uma senhora com um físico débil tem que atrai tantos jovens. “Eu acredito que um primeiro ponto é que quando os jovens a contemplam eles se sentem amados por Deus. E um segundo ponto é que a figura da Madre Teresa é um sinal de entrega total e incondicional a Deus”, testemunhou o religioso.

Alguns brasileiros também montaram estandes no local. A Comunidade Shalom, fundada por Moisés Azevedo, e o Instituto Hesed, da irmã Kelly Patrícia, apresentaram os seus carismas. Segundo o irmão Emanuel Maria, do Instituto Hesed, a procura dos jovens tem sido boa, principalmente quando escutam a música. “Nós percebemos que a música atrai muito os jovens, e quando eles veem uma religiosa, cantando, eles ficam mais curiosos ainda”, revelam os missionários.

Fonte: Destrave Canção Nova

Anúncios

Deixe o seu comentário. Ele é muito importante para o crescimento e amadurecimento de nossa missão. Deus o abençoe!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s